Microsoft Azure: Usuários devem alterar as chaves de acesso à plataforma

A Microsoft alertou milhares de clientes do seu serviço de computação em nuvem (Azure), incluindo algumas das maiores empresas do mundo, que invasores podem ter a capacidade de ler, alterar ou até mesmo excluir seus principais bancos de dados.



VEJA TAMBÉM: Cloud Security Posture Management (CSPM): Faça a coisa certa


A vulnerabilidade foi encontrada no principal banco de dados Cosmos DB do Microsoft Azure. Pesquisadores da empresa de segurança Wiz descobriram que invasores conseguiam acessar chaves que controlam o acesso a bancos de dados mantidos por milhares de empresas. A Microsoft concordou em pagar US $ 40.000 para a Wiz encontrar e relatar a falha.