O monitoramento de rede no combate a malwares

Atualizado: 23 de Jul de 2021

Enquanto fornecedores de soluções de segurança lidam com mais de 27 mil novas ameaças por dia, é cada vez mais vital que as empresas tenham uma compreensão aprofundada de sua infraestrutura de TI e conheçam onde estão as suas fraquezas. Felizmente, já existe uma forma eficaz para aumentar a segurança corporativa, com elevado potencial de precisão.



O monitoramento de rede é considerado uma ferramenta valiosa para manter a rede funcionando e, aliado às análises coletadas, torna-se uma arma poderosa contra invasores. Utilizar um antivírus é importante, mas existem malwares que são indetectáveis. Usado de forma isolada, o antivírus é uma solução limitada. Uma estratégia de segurança eficaz exige uma abordagem mais sutil.


Pesquisas mostram que o Brasil possui um índice elevado de crimes cibernéticos, por isto é aconselhável que as empresas estejam preparadas para evitarem ataques às suas redes e a seus sistemas de comunicação, principalmente, durante grandes eventos, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas de 2016 em que o país se destaca no cenário mundial. De acordo com a Polícia Federal brasileira, somente as redes do Governo Federal recebem mais de 2 mil ataques por hora. A estimativa é que mais de 80% dos usuários de Internet no país já sofreram algum ataque.


SAIBA MAIS: Release Notes - WhatsUp Gold 2021


Embora o malware possa ser complexo e difícil de detectar, há sempre sinais de que algo diferente está ocorrendo, como o aumento de largura de banda, protocolos misteriosos ou picos repentinos de dados de saída. Ter um mapa da rede preciso, com informações atualizad