Nova falha de segurança Spectre nas CPUs da Intel e AMD afetam bilhões de computadores

Atualizado: 1 de Jul de 2021

Quando a falha Specter, uma classe de vulnerabilidades críticas que afetam os processadores modernos, foi divulgada publicamente em janeiro de 2018, os pesquisadores por trás da descoberta disseram:

Como não é fácil de consertar, vai nos assombrar por um bom tempo.

Ou seja, um verdadeiro espectro. Já se passaram mais de três anos e não há luz no fim do túnel.


Quando as falhas de segurança Spectre e Meltdown apareceram, infinitas variantes vieram à tona nos anos seguintes, mesmo com os fabricantes de chips como Intel, ARM e AMD lutando continuamente para incorporar defesas que impeçam o uso malicioso do código para ler senhas, chaves de criptografia e outras informações valiosas diretamente da memória kernel de um computador.