top of page
  • Foto do escritorInternational IT

PF deflagra operação contra grupo da Deep Web que atua no Brasil

Atualizado: 30 de nov. de 2023

A Polícia Federal (PF) realizou, nesta terça-feira (9/08), a operação Singular 2, que envolveu 16 mandados de prisão e 14 de busca e apreensão no Ceará, São Paulo, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul.




Os suspeitos estariam envolvidos no furto de dados de cartões créditos armazenados em plataformas de e-commerce. De acordo com a PF, os dados são vendidos em sites mantidos pelos criminosos cibernéticos e usados para compras fraudulentas, que podem ter gerado prejuízo de R$ 125 milhões as vítimas.


A PF, em comunicado, afirma:

Em virtude de modernas técnicas de investigação digital no ambiente da Deep Web, desenvolvidas pela própria Polícia Federal, combinadas com informações obtidas na primeira fase da investigação, cuja deflagração ocorreu em 2019, foi possível a identificação de membros de organização criminosa com abrangência nacional.

Os valores obtidos com o esquema criminoso são movimentados, principalmente, em criptoativos. A segunda fase da operação tem como objetivo a busca desses recursos.


Na operação dessa terça, a PF divulgou a apreensão de diversos itens eletrônicos, como celulares e maquininhas de cartão, que estavam em posse dos membros do grupo. Além disso, vários armamentos pesados e pistolas foram apreendidos, assim como dinheiro em espécie.



Os investigados poderão responder pelos crimes de organização criminosa (com penas de 3 a 8 anos de reclusão) e furto qualificado (com penas de 2 a 8 anos de reclusão).


 



Comments


Nos acompanhe nas redes sociais!

1200X628 - SAND.png
1200X628 -NOC.png

Ver todos os materiais gratuitos

bottom of page