Configurações de Firewall | Quais são as melhores práticas e desafios?

Atualizado: 11 de fev.

A segurança de seus usuários e de sua rede, em grande parte, depende de como seu firewall está configurado. As configurações de firewall variam muito, principalmente devido ao tamanho de cada corporação, pequenas empresas seguem o modelo de "set-it-and-forget-it", já grandes empresas costumam ter suas regras de segurança criadas uma a uma ou utilizando automações e DevOps.



VEJA TAMBÉM: NGFW: O que é o Next Generation Firewall?


O que é configuração de firewall?


Os firewalls são um componente central de uma estratégia de segurança corporativa. Os firewalls podem proteger contra ataques cibernéticos, vazamento de dados e outras ameaças, monitorando o tráfego de rede e bloqueando o tráfego suspeito.


gif

Os firewalls utilizam um conjunto de regras ou políticas predefinidas para determinar se devem permitir ou bloquear uma conexão. Essas regras podem especificar que o tráfego para um determinado endereço IP ou porta deve ser permitido ou bloqueado. A configuração do firewall é o processo de configurar essas regras e definir outras configurações de segurança.


Desafios de configuração do firewall


As configurações adequadas de firewall são essenciais para a segurança cibernética corporativa. Alguns erros comuns de configuração de firewall incluem:


  • Políticas muito abrangentes: Definir políticas amplas de firewall pode ajudar a realizar a configuração de forma mais rápida, mas deixa a organização vulnerável a ataques. As políticas de firewall devem ser definidas com base nas necessidades de negócios e no princípio de privilégio mínimo.

  • Definir somente regras de entrada: Muitas vezes, as políticas de firewall se concentram no tráfego de entrada e nas ameaças originadas fora da organização. No entanto, permitir todo o tráfego de saída pode permitir o vazamento de dados, ataques C&C (Comando e Controle) de malware e outras ameaças.

  • Métodos de autenticação falhos: O uso de métodos de autenticação ineficientes e inseguros pode prejudicar as políticas de segurança de autenticação e senha corporativa. Os firewalls devem ser configurados para permitir apenas métodos fortes de autenticação, como autenticação multifator.

  • Falha ao proteger o firewall: Um firewall é projetado para restringir o acesso aos recursos corporativos, mas também pode ser alvo de ataque. Deixar portas e serviços de gerenciamento de risco acessíveis pode conceder aos cibercriminosos acesso à rede corporativa.

  • Monitoramento inadequado: As configurações de firewall podem fazer com que novas ameaças não sejam barradas ou bloquear novos tipos de tráfego comercial legítimo. O monitoramento regular é essencial para garantir que qualquer tentativa de ataque seja detectada e bloqueada adequadamente e que as configurações do firewall atendam às necessidades do negócio.


VEJA TAMBÉM: Cloud Security Posture Management (CSPM): Faça a coisa certa


8 práticas recomendadas de firewall para proteger a rede


Configurações de segurança adequadas são essenciais para a eficácia de um firewall. Algumas práticas recomendadas importantes são:


  1. Proteja e configure adequadamente o firewall: se o fornecedor ainda não o fez, certifique-se de que o sistema operacional do firewall esteja devidamente protegido e atualizado.

  2. Planeje sua implementação: Os firewalls definem os limites da rede, o que é essencial para a segmentação da rede e a segurança Zero Trust. As zonas de rede devem ser definidas com base nas necessidades de negócios e, como um firewall é um possível ponto único de falha, devem ser implementados em um cluster de alta disponibilidade (HA) ou usando uma solução de segurança de rede em hiperescala.

  3. Proteja o Firewall: Os firewalls são a base de uma arquitetura de segurança de rede e são alvos comuns de ataque. Altere as senhas padrão e outras configurações semelhantes para minimizar o risco de segurança e fechar vetores de ataque comuns.

  4. Contas de usuário seguras: Os cibercriminosos costumam usar ataques de controle de contas para obter acesso a sistemas corporativos. Os administradores de firewall devem ter senhas fortes, habilitar a autenticação multifator (MFA) e ter acesso limitado usando controles de acesso baseados em função (RBAC).

  5. Bloqueie o acesso das zonas de rede ao tráfego aprovado: Os firewalls podem restringir os fluxos de tráfego nos limites da rede que eles definem. As políticas devem ser configuradas para permitir apenas fluxos de tráfego legítimos com base nas necessidades de negócios.

  6. Certifique-se de que a política e o uso do firewall estejam em conformidade com padrões de segurança: Muitos regulamentos e padrões incluem requisitos para configuração e políticas de firewall. Os regulamentos e padrões aplicáveis ​​devem ser revisados ​​para garantir que as políticas estejam em conformidade.

  7. Teste para verificar a política e os riscos: Regras de firewall incorretas ou ordenadas incorretamente podem bloquear tráfego legítimo ou permitir tráfego malicioso. Todas as regras de firewall devem ser testadas regularmente para garantir que cumpram a finalidade pretendida.

  8. Auditoria de software, firmware e logs: O monitoramento de firewall e a análise de log são essenciais para identificar erros de configuração que podem levar a falhas nas detecções. Verifique regularmente se há atualizações de software ou firmware e revise os logs para tráfego anômalo.


Configuração de Firewall com a International IT e a Check Point


As configurações de firewall adequadas são essenciais para a eficácia de um firewall. Conte com a International IT para ajudar sua empresa a reduzir erros e evitar ameaças.


Os firewalls da Check Point são líderes de mercado há muito tempo, e os firewalls de próxima geração (NGFWs) da Check Point são alguns dos mais intuitivos e fáceis de usar do mercado.


Fonte: Check Point

 

Conte com a International IT e a Check Point para implementar uma solução de NGFW em sua empresa!


Conheça nossas soluções avançadas, robustas e seguras de NOC & SOC, Zero Trust, Next-Gen Firewalls, LGPD, Hardware, Monitoramento de Rede, Transferência de Arquivos Gerenciada, Consultoria de TIC, Treinamentos, Sustentação de Aplicações, Outsourcing, Licenciamento Geral e Help Desk.

161 visualizações

Newsletter

Confira notícias, informações e tendências do setor de tecnologia da informação. 

Nos acompanhe nas redes sociais!

1200X628 - SAND.png
1200X628 -NOC.png

Ver todos os materiais gratuitos