• International IT

Alibaba é hackeado: 1 bilhão de dados vazados

Atualizado: Jul 1

O Grupo Alibaba foi vítima de uma operação de hackers que durou meses. Os invasores foram auxiliados por um consultor de marketing que desviou dados confidenciais, incluindo nomes de usuário e números de telefone, de acordo com publicação da Bloomberg.

VEJA TAMBÉM: Mais de 100 milhões de usuários Android tem seus dados pessoais expostos


O Tribunal Popular do Distrito de Suiyang condenou o funcionário que trabalhava no Taobao, um site de compras da Alibaba, por vazar mais de um bilhão de itens de dados sobre usuários desde 2019. O funcionário recebeu pena de prisão de mais de três anos e a empresa deverá pagar o valor de 450.000 yuans (US $ 70.260).


Em comunicado, um porta-voz do site Taobao disse:

O Taobao dedica recursos substanciais para combater vazamentos em nossa plataforma, pois a privacidade e a segurança dos dados são de extrema importância. Descobrimos proativamente e tratamos esse incidente. Continuaremos a trabalhar com a aplicação da lei para defender e proteger os interesses de nossos usuários e parceiros.

VEJA TAMBÉM: O que é melhor: NAC ou perímetro definido por software?


As ações da gigante do comércio eletrônico caíram mais de 1% nas negociações de Hong Kong na quarta-feira (17/06).


Um novo regime de segurança de dados entra em vigor em 1º de setembro na China, dando ao governo o poder de fechar ou multar empresas de tecnologia que usarem incorretamente "dados centrais do estado". A China também está elaborando uma lei geral de proteção dados que deverá ser adotada este ano.


Fonte: Bloomberg

Proteja os dados de seus clientes com Primeur Data Privacy!

Conheça nossas soluções avançadas, robustas e seguras de NOC & SOC, Zero Trust, Next-Gen Firewalls, LGPD, Hardware, Monitoramento de Rede, Transferência de Arquivos Gerenciada, Consultoria de TIC, Treinamentos, Sustentação de Aplicações, Outsourcing, Licenciamento Geral e Help Desk.

160 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo